Renault Kwid chega com preços agressivos

José Oswaldo Costa*  (Publicado no Diário do Comércio – Edição: 04/08/2017)

Modelo subcompacto da montadora francesa disputará clientes com VW up! e, principalmente, Fiat Mobi 

Renault Kwid. Foto: Rodolfo Buhrer / La Imagem / RenaultA Renault apresentou, na noite da última quarta-feira, um dos mais esperados lançamentos do ano: o subcompacto Kwid.

O modelo chega ao mercado com uma proposta agressiva de preços, partindo do valor de R$ 29,90 mil (versão Life). Inclusive, na apresentação à imprensa especializada, a diretoria da montadora francesa informou que esse preço, até então considerado como de pré-venda, será mantido. Ao menos nesse primeiro momento.

A Renault trata o Kwid como o “SUV dos compactos”. Isso levando em conta sua posição de dirigir elevada e a altura livre em relação ao solo (18 cm), além dos ângulos de entrada (24º) e saída (40º). São os melhores números da categoria, mas isso não o torna, obviamente, um utilitário esportivo.

Interessante a jogada de marketing de lançamento. O primeiro cliente a adquirir o modelo (de um lote inicial de 2 mil unidades), morador do Balneário Camboriú (SC), foi chamado ao palco.

A confirmação da compra feita por ele, de acordo com a montadora, ocorreu com 4 minutos da campanha, via site, iniciada em junho. Para sua surpresa, foi informado que estava ganhando o carro e que não pagaria nada por ele. Surpreendente.

Renault Kwid. Foto: Rodolfo Buhrer / La Imagem / RenaultO Renault Kwid utiliza, em todas as versões (Life, Zen e Intense), motor 1.0 12V, de três cilindros, capaz de render 66/70 cv (gasolina/etanol) e 9,4/9,8 kgfm de torque (gasolina/etanol). O câmbio é manual de cinco marchas.

De acordo com a Renault, os números de consumo são os seguintes: 14,9 km/l (gasolina) e 10,3 km/l (etanol) no trânsito urbano. Já em rodovias, 15,6 km/l (gasolina) e 10,8 km/l (etanol).

A aceleração de 0 a 100 km/h é feita em 15,5 segundos e 14,7 segundos, com gasolina e etanol, respectivamente.

Essas são as medidas do mais novo modelo do mercado nacional, desenvolvido em parceria pelos centros de design da marca no Brasil, França e Índia: entre-eixos – 2,42 metros; comprimento – 3,68 metros; altura – 1,47 metro e largura – 1,58 metro. O tanque de combustível tem capacidade para 38 litros e, o porta-malas, para 290 litros (1.100 litros com os bancos rebatidos).

Segundo a montadora, o Kwid passou por mais de 200 mil horas de desenvolvimento, 35 crash-tests e 1 milhão de quilômetros de rodagem de validação em diferentes condições de uso. Também contou com uma equipe de 290 pessoas inteiramente dedicada ao seu desenvolvimento no Brasil.

Renault Kwid. Foto: Rodolfo Buhrer / La Imagem / RenaultO Kwid traz de série, para todas as versões, 4 airbags, sendo dois frontais e dois laterais. O sistema Isofix para fixação de cadeirinhas de bebê também está presente. A direção é eletricamente assistida, sendo opcional para a versão de entrada (a partir do mês de setembro).

A suspensão dianteira é do tipo MacPherson, com triângulos inferiores, amortecedores hidráulicos telescópicos e molas helicoidais. Na traseira, eixo rígido, com molas helicoidais e amortecedores hidráulicos telescópicos verticais.

A versão topo de linha, Intense, conta com: 4 airbags (laterais e frontais), sistema Isofix, alerta sonoro de faróis acesos,  alerta visual e sonoro de não-utilização do cinto de segurança, faróis de neblina, maçanetas na cor da carroceria,  retrovisores na cor da carroceria, rodas em liga leve de 14 polegadas, abertura interna da tampa do porta-malas, ar-condicionado, computador de bordo, retrovisores com regulagem elétrica, travas e vidros dianteiros elétricos, sistema multimídia (tela sensível ao toque de 7 polegadas) com câmera de ré integrada, 2 alto-falantes, chave do tipo canivete, entre outros.

Alguns desses itens estão disponíveis para a versão intermediária Zen.

Renault Kwid. Foto: Rodolfo Buhrer / La Imagem / Renault

Renault Kwid. Foto: Rodolfo Buhrer / La Imagem / Renault

O Kwid oferece os mesmos três anos de toda a linha Renault. O modelo tem um plano de manutenção com menos de R$ 1,00 por dia durante três anos para a versão Life.

Preços e versões:

Life – R$ 29,99 mil

Principais itens de série: rodas de aço de 14 polegadas, quatro airbags (laterais e frontais), Isofix, predisposição para rádio e indicadores de troca de marcha e de condução.

Zen + rádio – R$ 35,39 mil

Principais itens de série: mesmo itens da versão Life acrescidos de direção elétrica, ar-condicionado, travas e vidros dianteiros elétricos, rádio com Bluetooth e entradas USB e AUX. Rodas em liga leve de 14 polegadas são opcionais.

Intense + Pack Connect – R$ 39,99 mil

Principais itens de série: mesmos itens das versões anteriores com acréscimo de retrovisores elétricos, faróis de neblina cromados, multimídia com câmera de ré, abertura elétrica do porta-malas, rodas em liga leve de 14 polegadas e chave dobrável.

Renault Kwid. Foto: Rodolfo Buhrer / La Imagem / Renault

Fotos: Rodolfo Buhrer / Renault / Divulgação

*O jornalista viajou a convite da Renault

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s