No Salão de São Paulo, a evolução do automóvel

Chico Lelis*

MEU LOGO

Quem é fã das máquinas sobre quatros rodas aguarda ansiosamente. Faltam sete meses para a abertura oficial da 30ª edição do Salão Internacional do Automóvel de São Paulo, que será realizado entre os dias 8 e 18 de novembro no São Paulo Expo, na capital paulista (KM 1 da rodovia dos Imigrantes).

Como acontece tradicionalmente desde a primeira edição realizada no Parque Ibirapuera em 1.960, o Salão deste ano certamente será muito melhor do que o último, promovido em 2016.

E o que faz com que a cada dois anos a mostra seja cada vez melhor é o compromisso público dos fabricantes com a satisfação e o entusiasmo dos seus clientes, dos simpatizantes das suas marcas, colecionadores, fãs e dos “loucos” por automóveis, picapes, vans e utilitários.

São milhões de reais investidos anualmente para o aprimoramento, modernização e evolução dos veículos que, prontos para entrar no mercado ou na condição de protótipos ou veículos conceito, habitualmente são mostrados em primeira mão nos estandes de salões realizados em vários países do mundo, durante o ano todo.

Vale destacar que, atualmente, “as meninas dos olhos” dos fabricantes, e do consumidor,  são os SUVs, os carros híbridos, como o Prius e o Lexus, os  elétricos e os autônomos.

Toyota mostra sua linha

E a Toyota reinventando o futuro

Instalada no Brasil desde 1958, e participante do Salão de São Paulo a partir da terceira edição, em 1962, ocasião em que mostrou para o público o seu primeiro veículo Land Cruiser, na modalidade CKD, que recebeu o nome de Bandeirante, a Toyota do Brasil fará a diferença no Salão de São Paulo 2018.

O Land CruiserAlém de expor as últimas versões dos modelos Corolla, Etios, Camry, Hilux, RAV 4, SW4 e apresentar o novíssimo Yaris, a marca japonesa vai aproveitar a importante vitrine que atrai as atenções do mundo todo para renovar publicamente seus compromissos com a evolução tecnológica, a proteção e preservação ambiental e a garantia de um futuro melhor para todos nós.

Com certeza, será no Salão de São Paulo que a Toyota apresentará ao público o primeiro veículo do mundo que combina um propulsor elétrico e outro flexível a gasolina e etanol, um novíssimo híbrido flex, ou a terceira geração do Prius.

O novo hibrido flex, que está em fase de avaliações e testes indispensáveis para a validação do produto, é resultado de um projeto que colocou lado a lado as equipes de engenharia da Toyota Motor Corporation, no Japão, e da Toyota do Brasil, e que conta com o apoio da ÚNICA – União da Indústria de Cana-de-Açúcar.

Prius Hibrido Flex

Fotos: Divulgação (responsabilidade do editor da Coluna)

Para quem é louco por carro e quer conhecer a “reinvenção do futuro”, uma dica: a organização do 30º Salão Internacional do Automóvel de São Paulo já colocou no ar uma página no site do evento para quem quiser se inscrever para ser informado sobre o início das vendas dos ingressos.

Basta acessar: http://www.salaodoautomovel.com.br/Ingressos.

índice

 *chicolelis – chicolelis@gmail.com – Jornalista com passagens pelos jornais A Tribuna  (Santos), O Globo e Diário do Comércio. Foi assessor de Imprensa na Ford, Goodyear e, durante 18 anos, gerenciou o Departamento de Imprensa da General Motors do Brasil. Assina a coluna “Além do Carro”, na revista Carro, onde mostra ações do setor automotivo nos campos social e ambiental.

Apoio

LOGO TOYOTA COLUNA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s