Honda apresenta os novos City Sedan e Hatchback

Da Redação

4J6A7131cc

A Honda Automóveis do Brasil apresentou o aguardado New City. A 5ª geração representa uma renovação completa do modelo.

Mais do que apresentar o novo sedan, a Honda faz sua estreia no segmento de hatches com o lançamento do New City Hatchback. Está nascendo a família City no Brasil.

E os novos modelos terão uma dura missão. De uma só vez, as duas opções de carroceria do City “aposentam” o Honda Civic e o Honda Fit no Brasil.

Eles são equipados com um motor completamente novo e uma versão otimizada do conhecido câmbio CVT da Honda.

4J6A3748c

Além disso, eles serão os primeiros modelos da marca produzidos no Brasil a embarcarem o Honda SENSING, pacote de equipamentos de segurança e assistência à condução.

A presença marcante do New City se dá pela carroceria longa, larga e baixa, tanto no sedan como no hatchback. O design é valorizado pelos vincos definidos e pelos faróis e lanternas, nos quais o uso de LED e o layout de aspecto high-tech resultam em uma bonita integração à carroceria.

Em ambos os modelos, na versão Touring, os faróis são full LED, com luzes indicadoras de direção, fachos baixo e alto, DRL e faróis de neblina em LED. As demais versões contam com DRL de LED e bloco óptico principal com projetor.

As lanternas são as mesmas em todas as versões, com LED nas luzes de posição e de freio.

4J6A1773cc

4J6A1829c

As rodas são de liga leve, com aro de 16 polegadas, em todas as versões. Elas mesclam acabamento frontal diamantado e pintura na cor preta.

Os retrovisores externos, que antes eram fixados próximos à base da coluna A, agora estão mais recuados e fixados na porta, o que resulta em grande melhora no campo de visão.

Não importa a carroceria, o porte é um dos grandes destaques dessa nova família que acaba de nascer. Na comparação com o atual City, o New City sedan é 53 mm mais largo e 94 mm mais comprido.

Para valorizar o conceito low&wide (baixo e largo), ele tem altura total 8 mm menor. O entre-eixos é o mesmo da geração anterior.

4J6A7177cc

4J6A0401

Dimensões dos novos modelos:

City Sedan: comprimento: 4,55 metros / largura: 1,75 metro / altura: 1,48 metro / entre-eixos: 2,60 metros / tanque: 44 litros / porta-malas: 519 litros.

City Hatchback: comprimento: 4,34 metros / largura: 1,75 metro / altura: 1,50 metro / entre-eixos: 2,60 metros / tanque: 39,5 litros / porta-malas: 268 litros.

Segundo a Honda, até mesmo pessoas de elevada estatura viajam confortavelmente no banco traseiro, ainda que, na dianteira, também estejam dois adultos altos.

Os bancos dianteiros têm encosto mais fino e correm em trilhos mais espaçados entre si, com o objetivo de ampliar a oferta de espaço na região dos joelhos e dos pés de quem viaja atrás.

4J6A0433-1 (42)

No sedan, o porta-malas tem capacidade para 519 litros, um ótimo volume para o segmento de sedans compactos.

Já o New City Hatchback traz o chamado Magic Seat, exclusivo sistema de modularidade interna da Honda, com quatro modos de utilização (Utility, Long, Tall e Refresh), que permite acomodar objetos de diferentes dimensões, já utilizado no Fit.

No modo Utility, por exemplo, o espaço chega a 1.168 litros de volume, superando os 1.045 litros disponíveis no Fit na mesma condição, que já era considerado um ícone de volumetria de cabine.

No New City sedan, todas as versões (EX, EXL e Touring) trazem botão de partida do motor, sistema de destravamento por proximidade da chave (SmartEntry), ar-condicionado digital, nova central multimídia touchscreen de 8 polegadas com Android Auto e Apple CarPlay sem-fio e câmera de ré multivisão.

4J6A0217-1 (19)

A partir da versão EXL, estão disponíveis também sensores de estacionamento traseiros, bancos revestidos em material sintético que imita o couro, painel digital TFT de 7 polegadas multiconfigurável, ar-condicionado digital e automático e função de travamento das portas por aproximação da chave.

A versão Touring conta com sensores de estacionamento dianteiros e espelho retrovisor fotocrômico.

No New City Hatchback, todas as versões (EXL e Touring) trazem Magic Seat, botão de partida do motor, sistema de travamento e destravamento por aproximação da chave (SmartEntry), ar-condicionado digital e automático, central multimídia touchscreen de 8 polegadas com Android Auto e Apple CarPlay sem-fio, câmera de ré multivisão, sensores de estacionamento traseiros, bancos revestidos em material sintético que imita o couro e painel digital TFT de 7 polegadas multiconfigurável.

A versão Touring traz sensores de estacionamento dianteiros.

4J6A1197bcc

O New City vem equipado com um motor inédito. Todo em alumínio, o quatro-cilindros aspirado é 1.5 litro 16V DI DOHCi-VTEC, ou seja, com injeção direta de combustível e dois comandos de válvulas no cabeçote (um para as oito válvulas de escape e outro para as oito de admissão).

O sistema i-VTEC, por exemplo, tem um came (ressalto) especial para priorizar a potência em rotações mais elevadas do motor. O formato destes quatro cames (cada um responsável por um cilindro) resulta na variação da amplitude e duração da abertura das válvulas de admissão.

Na prática, é como se fosse um comando dois-em-um: um com cames otimizados para consumo e outro para desempenho.

A variação entre os cames que vão atuar efetivamente nas válvulas de admissão ocorre por meio de um sistema hidráulico, gerenciado eletronicamente e que considera não apenas a rotação do motor, mas diversos outros parâmetros, como carga sobre o acelerador e até a inclinação do carro.

4J6A1193-1 (1)

O mesmo eixo comando de válvulas de admissão tem agora o VTC (Variable Timing Control). O novo componente controla a sincronização, podendo variar (avançando ou retardando) a sincronização do comando de admissão.

Juntos, VTC e i-VTEC permitem ao motor trabalhar de maneira otimizada em toda a sua faixa útil. Na prática, o que o motorista tem em mãos é um carro com consumo de combustível extremamente baixo quando com o motor operado em baixas rotações e com boa performance em regimes mais elevados.

A adoção do sistema de injeção direta permite maior taxa de compressão e maior otimização da queima da mistura ar/combustível. Isso resulta em muito mais eficiência e potência.

A potência máxima é de 126 cv a 6.200 rpm, tanto com etanol quanto com gasolina.

De acordo com o Programa Brasileiro de Etiquetagem (PBE), o New City sedan tem consumo na cidade de 9,2/13,1 km/l (etanol/gasolina) e, na estrada, de 10,5/15,2 km/l.

O New City Hatchback registrou 9,1/13,3 km/l e 10,5/14,8 km/l (etanol/gasolina). Com tais números, ambos obtiveram classificação A no PBE, dentro de suas categorias.

O câmbio CVT, de relação continuamente variável, recebeu mudanças. Ele segue com simulação de sete marchas por meio de paddle shifts no volante. São duas novidades: o Step-shift e o EDDB (Early Down-shift During Braking).

O primeiro atua sob condução esportiva. Com o acelerador pisado a fundo (kick-down), a central de gerenciamento eletrônico do CVT coordena as trocas nos pontos fixos das marchas, acentuando exatamente a sensação da mudança e, consequentemente, de esportividade.

Já o EDDB se apresenta em situações de descida. Ao notar que o motorista está pisando no freio para conter o ganho de velocidade por conta da inclinação, o CVT assume uma relação que resulta em maior aplicação de freio-motor. A ação do EDDB é automática e

Como dissemos anteriormente, o New City será o primeiro modelo da marca fabricado no Brasil a contar com o Honda SENSING, pacote de tecnologias de segurança e assistência ao motorista da marca.

Baseado nas imagens captadas por uma câmera de visão ampla e de longa distância, instalada na parte central e superior do para-brisa, o sistema terá cinco funções:

  • ACC – Controle de cruzeiro adaptativo – Auxilia o motorista a manter uma distância segura em relação ao veículo detectado à sua frente;
  • CMBS – Sistema de frenagem para mitigação de colisão – Aciona o freio ao detectar uma possível colisão frontal, com o objetivo de mitigar acidentes. Ele é capaz de detectar e identificar pedestres e veículos que estejam no mesmo sentido ou no oposto;
  • LKAS – Sistema de assistência de permanência em faixa – Detecta as faixas de rodagem e ajusta a direção com o objetivo de auxiliar o motorista a manter o veículo centralizado nas linhas de marcação;
  • RDM – Sistema para mitigação de evasão de pista – Detecta a saída da pista e ajusta a direção com o objetivo de evitar acidentes;
  • AHB – Ajuste automático de farol – Comutação noturna automática dos fachos baixo e alto dos faróis de acordo com a situação.

Além do Honda SENSING (disponível na versão Touring), o New City traz diversos outros dispositivos de segurança em todas as versões, dentre os quais se destacam: assistente de estabilidade e tração (VSA), assistente de partida em rampa (HSA), sistema de luzes de emergência (ESS), seis airbags (frontais, laterais e do tipo cortina), estrutura de deformação progressiva ACE, sistema Isofix para fixação de assentos infantis, alerta de baixa pressão dos pneus, câmera de ré multivisão, entre outros.

4J6A0433-1 (47)

4J6A0094c

O LaneWatch, assistente para redução de ponto cego, por meio de uma câmera localizada no espelho retrovisor do lado do passageiro, está disponível nas versões EXL e Touring do sedan e na versão Touring do hatchback.

O New City sedan será oferecido em três versões (EX, EXL e Touring) e o New City Hatchback em duas versões (EXL e Touring).

A paleta de cores é variada em ambos os modelos. O New City sedan terá seis opções: branco Tafetá (pintura sólida); azul Cósmico, prata Platinum e cinza Barium (metálicas); e branco Topázio e preto Cristal (perolizadas).

Exclusivamente na versão Touring, nas cores branco Topázio, cinza Barium e azul Cósmico, o interior será em material claro. Para as demais cores, o material sintético que imita o couro será preto.

4J6A6953

4J6A1168Lc

O New City Hatchback chega com uma paleta ainda maior, com oito cores. Em relação ao sedan, difere apenas pela oferta de mais duas cores perolizadas: vermelho Mercúrio e a inédita cinza Grafeno, que será aplicada pela primeira vez no Brasil. Para todas as cores, o interior será preto.

As vendas do New City sedan iniciarão em janeiro, mas a pré-venda começará amanhã (23 de novembro), às 17h30, durante o lançamento virtual do modelo para o público, que será realizado pelo canal da Honda Automóveis no Youtube (https://www.youtube.com/hondabr).

Os preços são:

EX: R$ 108,30 mil

EXL: R$ 114,70 mil

Touring: R$ 123,10 mil

As vendas do New City Hatchback começarão em março. Os preços serão divulgados apenas em janeiro, quando se iniciará a etapa de pré-venda do modelo.

A garantia do New City é de 3 anos, sem limite de quilometragem.

4J6A7247ccFotos: Honda Automóveis do Brasil / Divulgação

Acesse o nosso site: http://www.diariodocomercio.com.br

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s